Definido: Wilson Junior é o novo treinador do Azulão

 

A diretoria do São Caetano definiu na tarde desta segunda-feira (11) a contratação do técnico Wilson Junior, que terá a missão de comandar o Pequeno Gigante em seu retorno à elite do Campeonato Paulista.

Ex-goleiro profissional, o treinador de 44 anos tem em seu currículo passagens por equipes como Atibaia, São Bernardo, Juventus e Nacional.

“Estou muito feliz pelo acerto. O São Caetano é uma equipe tradicional e com história. Vamos trabalhar bastante para buscar jogadores com o perfil que esperamos, e que ao mesmo tempo estejam à altura das tradições do clube”, disse o novo comandante.

De acordo com o coordenador técnico do Azulão, Fabio Felix, a escolha de Wilson Junior foi técnica, embasada na formação (o treinador possui Licença A da CBF) e em sua capacidade de mapear atletas em todos os estados.

“É um treinador que se preparou. É uma escolha técnica. Ele mapeia jogadores e já entendeu a filosofia do nosso trabalho. Vamos resgatar o que o São Caetano sempre fez muito bem, que era garimpar jogadores com fome de vencer, muitos deles vindos de outros mercados. Atletas que querem vencer na vida e chegam compromissados com o trabalho”, explicou.

O departamento de futebol divulgará em breve a agenda de apresentações.

DUELO DE CAMPEÕES
Atual campeão da Série A2, o Azulão estreia no Campeonato Paulista no dia 28 de fevereiro, no Allianz Parque, contra o Palmeiras, que lutará pelo bicampeonato. O clube do ABC está no Grupo D ao lado de Santos, Mirassol e Guarani.

HISTÓRICO
Campeão em 2004, o Pequeno Gigante já participou de 15 edições do Paulistão. A estreia ocorreu no ano de 1993, enquanto a última participação aconteceu em 2019.

Assessoria de Imprensa
Fabio Giannelli
MTB: 89.616/SP
Arfoc: A1672
(11) 94734-0506

Fotos no Flickr: www.flickr.com/soccerdigital
Foto: Fabio Giannelli / Soccer Digital

NOTA OFICIAL

(16 de dezembro de 2020)- Em razão de matérias publicadas recentemente, tanto pelo Diário Do Grande ABC quanto pelo site Capital Social, esclarecemos que não existe possibilidade da Associação Desportiva São Caetano se desvincular do São Caetano Futebol Ltda, empresa que gere o futebol profissional.

Sobre esse assunto, o presidente Nairo Ferreira de Souza explica.

“Uma empresa está interligada na outra, portanto, não existe possibilidade de separação como está sendo divulgado. O São Caetano depende da existência da Futebol Ltda para funcionar”, disse o dirigente antes de completar. “Sabemos do momento difícil pelo qual passamos, mas o empenho é total para nos organizarmos e, assim, superar essa fase. Estamos trabalhando firme em prol deste clube”, concluiu o presidente.

Além disso, também esclarecemos que o São Caetano NÃO COBRA nenhum valor para atletas que desejam integrar as categorias de base ou o time profissional. Na existência de algum caso deste tipo, entre em contato conosco e denuncie!!

Pois, desta forma, vamos tomar os meios legais e cabíveis para processar os idealizadores dessa farsa.

 

GRUPO DEFINIDO!!

(8 de dezembro de 2020)- Atual campeão da Série A-2, o São Caetano conheceu, em sorteio realizado nesta terça-feira, o seu grupo no Paulistão 2021. De volta à elite depois de uma temporada ausente, o Pequeno Gigante estará no Grupo D ao lado das equipes do Santos, Mirassol e Guarani.

FÓRMULA DE DISPUTA

Previsto para começar no dia 28 de fevereiro, o Campeonato Paulista repetirá a fórmula de disputa dos últimos anos.

Desta forma, os 16 integrantes da primeira divisão foram divididos em quatro grupos com quatro equipes, porém, sem confrontos entre eles.

Nesta etapa inicial do campeonato, cada clube realiza um total de 12 jogos. Sendo todos disputados contra os times das outras chaves.

Os dois primeiros colocados do grupo, que foi sorteado nesta terça-feira, avançam ao mata-mata.

HISTÓRICO

Campeão em 2004, o Azulão já disputou a principal divisão do Campeonato Paulista em 15 oportunidades. A estreia na Série A-1 ocorreu no ano de 1993, enquanto a última participação aconteceu em 2019.

Assessoria de imprensa: Fabrício Cortinove

 

São Caetano perde para o Caxias na Série D

(28 de novembro de 2020) – O São Caetano encerrou, neste sábado, a sua participação na primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro. Oportunidade em que enfrentou o Caxias, no Estádio Centenário, em confronto válido pela última rodada do Grupo A-8.

Ao fim do jogo, o time da casa levou a melhor e venceu por 6 a 0. Desta maneira, a equipe do ABC se despede da competição com seis pontos conquistados.

Gols

O clube grená abriu o placar aos 25 minutos do primeiro tempo. Após cruzamento vindo da esquerda, Giovane Gomes apareceu entre os zagueiros para marcar de cabeça. 1 a 0.

Melhor em campo, o Caxias marcou mais gols no segundo tempo. Aos dois minutos, depois de cobrança de escanteio, Marabá finalizou de primeira e ampliou o placar para o time da casa. 2 a 0.

Aos seis minutos, Bruninho avançou pela esquerda e tocou na saída de Arthur para marcar mais um. 3 a 0.

Depois de cobrança de falta e defesa parcial de Arthur, Bruninho ficou com a sobra e finalizou para o gol. 4 a 0.

Vidaletti aproveitou cruzamento vindo da direita e marcou de cabeça aos 37. 5 a 0.

Por fim, Claudinho fez de pênalti o último gol da partida. 6 a 0.

Ficha técnica:

Estádio Centenário, em Caxias do Sul;

Árbitro: Eduardo Fernandes Teixeira (TO)

Auxiliares: Matheus Olivério Rocha (RS) e Maíra Mastella Moreira (RS)

Caxias: Marcelo Pitol; Ivan, Rafael Goiano, Thiago Sales e Bruno Ré (Diniz)(Vidaletti); Carlos Alberto(Matheus), Marabá e Tontini; Marcelo Campanholo(Diogo Oliveira), Bruninho(Claudinho) e Giovane Gomez

Técnico Rafael Lacerda

São Caetano: Arthur; Lucas Saturnino, Polidoro, Marquinhos(Bruninho) e Matheus Eduardo; Anderson Braz, Douglas e Rafinha (William Amorim); João Gurgel, Emerson Lima(Rafael Menezes) e Renan(Ruan)

Técnico: Lucas Moura

Gol: Giovane Gomes, aos 25’ do 1º(Caxias), Marabá, aos 2’ do 2º(Caxias), Bruninho, aos 6’ e 17’ do 2º(Caxias), Vidaletti, aos 37’ do 2º(Caxias) e Claudinho, aos 41’ do 2º(Caxias)

Foto: Rodrigo Rossi/S.E.R.Caxias

Azulão visita o Caxias pela última rodada da primeira fase da Série D

Lucas Moura será o técnico do Azulão neste sábado.

(27 de novembro de 2020) – O time profissional do São Caetano viajou nesta sexta-feira para enfrentar o Caxias, pela última rodada da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro.

Mesmo sem ter chance de classificação no Grupo A-8, o Pequeno Gigante deseja encerrar a sua participação no nacional de forma digna e, por isso, mira o resultado positivo na partida que acontece neste sábado, às 15h, no Estádio Centenário.

Sem a presença de Fabinho Félix no banco de reservas, por conta de problemas de saúde, caberá a Lucas Moura (técnico do Sub-20) a responsabilidade de dirigir o Azulão.

Diante dessa missão, o profissional falou sobre a expectativa que possui para o confronto deste sábado.

“Mais um jogo difícil. O Caxias por si só já é um adversário muito complicado, ainda mais jogando lá na Serra Gaúcha. Mas é um jogo que, acima de tudo, está em prova a força da camisa do São Caetano, a grandeza do clube e qualidade dos nossos jogadores. Tive uma resposta muito boa deles(atletas) nos treinos e, portanto, vamos fazer grande exibição. Respeitamos muito o Caxias, mas esse jogo vale mais de três pontos para nós”, disse o treinador, que está no comando dos treinos desde quarta-feira (25).

Confiança

Quem compartilha de opinião semelhante, em relação ao duelo deste sábado, é o polivalente Matheus Eduardo. Que ressaltou a importância de fazer uma boa atuação contra a equipe gaúcha.

“Será bem importante fazer um bom jogo. Queremos voltar com os três pontos. A nossa dignidade está em jogo também. Vamos fazer o nosso melhor em busca do resultado positivo”, contou o prata da casa, que atuou como titular na lateral esquerda do São Caetano nas últimas apresentações pela Série D.

Desfalque

O Azulão não poderá contar com o zagueiro Matheus Santos neste sábado. Suspenso com três cartões amarelos.

Assessoria de imprensa: Fabrício Cortinove

Fotos: Fabrício Cortinove

Polidoro e Julio Santana reforçam elenco do Azulão

Julio Santana(meia) e Polidoro(zagueiro) foram apresentados nesta quinta-feira.

(26 de novembro de 2020) – O São Caetano oficializou nesta quinta-feira mais dois reforços. Esses são o zagueiro Polidoro e o meia Julio Santana, ambos com vínculo até o final do próximo Campeonato Paulista.

ZAGA REFORÇADA

Revelado na base do São Paulo, onde permaneceu durante oito anos, o novo defensor azulino também possui passagens por Atromitos (Grêcia), Portuguesa e Vilafranquense (Portugal), equipe que defendeu até o início do ano.

Agora de volta ao futebol paulista depois de passagem pela Europa, Polidoro falou sobre os planos que possui com a camisa do Pequeno Gigante.

“O clube acaba de ser campeão (Série A-2), subiu de divisão. A gente sabe que aqui já passaram grandes jogadores, então a expectativa é a melhor possível”, disse antes de completar com as suas principais qualidades. “Tenho bom passe e muita força física”, concluiu.

OPÇÃO PARA O MEIO DE CAMPO

Quem também chegou ao Anacleto Campanella é o meia Julio Santana. Com longa passagem pela base do Palmeiras e experiências em equipes como Recreativo de Huelva (Espanha) e Danubio(Uruguai), o jogador destacou qual é a sua expectativa ao vestir a camisa do São Caetano.

“Um clube de tradição e, por isso, estou feliz com essa oportunidade que me apareceu. O time está em uma competição (Campeonato Paulista) muito importante no próximo ano. Chego muito disposto para ajudar”, contou.

Já sobre a sua maneira de atuar, Santana ressaltou quais características que podem contribuir para o sucesso do São Caetano.

“Cadencio muito o jogo, sou um jogador que pensa bastante no meio de campo. Gosto de chutar no gol e contribuir na articulação das jogadas”, explicou o meio-campista.

Ficha técnica:

Polidoro

Nome completo: Antônio Polidoro Júnior

Posição: zagueiro

Data de nascimento: 12/9/1996

Natural de: Belo Horizonte (MG)

Principais clubes: São Paulo(base), Atromitos (Grêcia), Portuguesa e Vilafranquense (Portugal)

Julio Santana

Nome completo: Julio Cesar Santana de Souza

Posição: meia

Data de nascimento: 17/3/1993

Natural de: São Paulo

Principais clubes: Palmeiras(base), Recreativo de Huelva (Espanha) e Danubio(Uruguai)

Assessoria de imprensa: Fabrício Cortinove

Fotos: Fabrício Cortinove

São Caetano perde para o São Luiz na Série D

 

(21 de novembro de 2020)- São Caetano e São Luiz se enfrentaram neste sábado, no Anacleto Campanella, pela penúltima rodada da primeira fase da Série D do Campeonato Brasileiro. Ao fim do jogo o time visitante levou a melhor e venceu por 3 a 0.

Sem chance de avançar na competição, o Pequeno Gigante segue com seis pontos conquistados no Grupo A-8. Já a equipe visitante chegou aos 20 com a vitória neste fim de semana.

Os gols

O São Luiz abriu o placar aos 25 minutos do primeiro tempo. Quando Hugo Almeida cobrou pênalti no canto direito de Arthur.

Também de pênalti, o clube de Itajaí ampliou aos 35. Dessa vez em cobrança bem executada por Juba.

Por fim, o São Luiz definiu o placar aos 37 minutos. Depois de bela conclusão de Lagoa, que acertou o ângulo esquerdo do goleiro Arthur.

Sequência

O São Caetano encerra a sua participação na Série D do Campeonato Brasileiro no próximo sábado. Dia em que o Azulão enfrenta o Caxias, às 15h, no Estádio Centenário.

Ficha técnica:

Local: Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul;

Árbitro: Fábio Santos de Santana (AC);

Auxiliares: Leandro Matos Feitosa (SP) e Bruno Silva de Jesus (SP);

São Caetano: Arthur; Lucas Saturnino, Gustavo, Matheus Santos e Matheus Eduardo (Ruan); Anderson Braz, Douglas (Gian) e João Gurgel(Markson); Filipe Carvalho(Renan), William Amorim e Rafael Menezes(Emerson Lima)

Técnico: Fabinho Félix

São Luiz: Robalo; Itaqui, Silvio, Jadson e Gabriel Araújo; Jatai (Wagner), Paulinho Santos e Fernando (Tassio); Juba (Jhonatan), Lagoa(Everton) e Hugo Almeida(Piolho)

Técnico: Anderson

Gols: Hugo Almeida, aos 35’ do 1º(São Luiz), Juba, aos 35’ do 1º(São Luiz) e Matheus Lagoa, aos 37’ do 1º(São Luiz)

Assessoria de imprensa: Fabrício Cortinove

Foto: Leonardo Lima